8 hidratações pro cabelo que tenho usado e amado!

Certo dia me dei conta de que criei um arsenal de produtos pra cuidar do cabelo nesses últimos tempos, mais especificamente hidratações. Basicamente, toda vez que ia ao mercado, convencia a mim mesma que hidratação nunca é demais e que meus fartos cabelos precisam de só mais um produtinho.

Daí que como todos os produtos que tenho são baratos e super acessíveis, achei interessante divulgar pra o mundo minha humilde opinião sobre eles. Lembrando que não faço cronograma capilar e como aliso os cabelos sou aquela pessoa louca que mira o olhar logo nos produtos para cabelos ressecados, destruídos, detonados, na UTI. Vamos lá?

1. Ampola Pantene: peço licença para replicar o termo criado por Sabrina do Coisa de Diva, mas não há melhor definição para essa ampola que não seja: milagre num potinho! Pantene, amor, você arrasou demais nessa invenção! Já usei outras, mas essa 3 minutos milagrosos é a melhor. O cabelo fica um brilho que ofusca o olhar das inimigas, dos exs e de quem mais decidir invejar seu cabelo.

2. Hidratação Pantene: uma versão mais humilde da ampola, a hidratação também é muito boa! O que mais gosto nos produtos da Pantene é que logo ao passar nos cabelos tenho aquela sensação de desfazimento imediato dos nós. É quase que uma certeza que o negócio vai ficar bom depois que secar!

3. Tratamento Arginina Absoluta Elseve: logo nas primeiras vezes que usei essa hidratação odiei o resultado. Sabe aquele cabelo oleoso e pesado parecendo que não tirou direito o produto no enxágue? Foi essa a sensação que tive, mesmo sabendo que tinha lavado direitinho o cabelo. Depois percebi que o problema estava na quantidade de creme que botei. É difícil perder aquela mania triste de botar creme demais achando que isso é que vai fazer efeito. Eu sempre tento me controlar, mas às vezes dou uma deslizada básica e aí já viu. Depois que maneirei na quantidade, ficou tudo certo na Bahia. Não aaamo de paixão nossa que produto incrível, mas ele hidrata legal sim!

4. Condicionador Monange: a intenção era comprar a hidratação da mesma linha, mas está mais fácil encontrar um político que ainda não tenha sido delatado do que conseguir comprar esse tal potinho da Monange! Daí que na falta dele, peguei a versão mais humilde, o condicionador no caso. Ele é bom, mas não é incrível, sabe? Não achei que pesou, mas também não fica aquele brilho sucesso das ampolas da Pantene. Como tenho medo de só usar uma coisa, o cabelo se acostumar e depois eu perder o efeito, procuro variar e esse condicionador vai ser ótimo pra isso.

5. Yamasterol: super famoso pelos blogs da vida e absurdamente barato, esse produto é mil em um. Pode ser usado antes da lavagem, como condicionador, como creme de finalização, misturado com outras coisas como Bepantol e afins, em resumo, do jeito que você bem entender. Como tenho certo preconceito com produtos menos consistentes, fiquei meio desconfiada desse, porque ele é daquele tipo de creme mais ralinho mesmo. Mas o efeito também é satisfatório e acho interessante justamente pra intercalar com outros mais potentes.

6. Máscara Reparadora Sorali: como pontuei antes, eu faço alisamento nos cabelos com o produto da linha Sorali, então fui convencida, ou diria levemente forçada, pela minha cabeleireira a comprar o creme de hidratação da mesma marca. O tenho há muito tempo, mais de um ano, e o negócio parece nunca acabar. Esse é o produto mais caro do post, pois é de uma linha profissional, e por isso mesmo tem uma textura mais encorpada e não precisa passar muito. Apesar de no momento da aplicação o cabelo não se desembaraçar automaticamente, como acontece com outros cremes, o resultado é muito interessante e os fios ficam hidratados.

7. 3 Minute Miracle Aussie: não tem uma mulher que não conheça esse produto, creio eu. Idolatrado por toda e qualquer blogueira que viajava pro exterior e fazia questão de trazer seu estoque pra cá e publicar nas redes, a marca já é vendida no Brasil a um preço ainda surreal se comparado ao que custa fora. E sim, ele é bom! Tive o mesmo problema do Elseve na primeira tentativa, passei demais e deixei tudo meio melecado. Depois que peguei o jeito da quantidade, foi só sucesso. Hidrata bastante mesmo e o produto é bem consistente, o que na minha cabeça é um indicativo de qualidade, se faz sentido não sei haha

8. Óleo de coco: por fim, mas não menos importante, o famigerado óleo de coco. Talvez Yasmin Brunet tenha sido a pessoa que trouxe à tona esse produto ao declarar que usava-o para manter suas madeixas de Rapunzel apresentáveis. Talvez não. Mas o que se sabe é que todo mundo agora usa óleo de coco em tudo! E aí que como não sou boba nem nada (ou diria que fui altamente influenciada, mas enfim), corri atrás do meu e aprovei. O óleo é muito bom realmente e o mais importante é que não deixa o cabelo empapado se você lavar direitinho. Uso antes da lavagem, fazendo umectação, e se não implicasse num trabalho a mais que nem sempre eu estou disposta a ter, faria sempre. Aprovadíssimo!

E você, o que tem usado nos cabelos? Já testou algum desses produtos? Me conta aí nos comentários e não esquece de seguir o blog no Instagram e curtir no Facebook!

Anúncios