Análise Cromática: o que é e para que serve

Oi, gente!

Hoje queria falar um pouco sobre um tema que considero muito interessante e recentemente tive a oportunidade de aprender num curso de consultoria de imagem que fiz: análise cromática e coloração pessoal.

Se você se interessa um pouco por consultoria de imagem e estilo, já deve ter ouvido falar dessa etapa, mas daí a saber o que é e entender de verdade como funciona, já é outra história!

Antes do curso, não tinha ideia de como é complexo esse passo da consultoria e em como isso exige estudo, técnica e realmente influencia na imagem das pessoas. O método que aprendi, chamado Sazonal Expandido, é o mais comumente usado pelas consultoras de imagem e funciona da seguinte forma.

Basicamente, a análise cromática irá avaliar qual o tom de pele da pessoa (quente ou fria), enquadrando-a em uma das categorias criadas: outono e primavera para pessoas de pele quente; verão e inverno para peles frias). Superado esse baque de que verão é frio (sim, ainda estou aceitando), depois disso, existem subdivisões, nas quais você pode ser classificada como inverno escuro ou verão opaco, por exemplo.

cartelacores1

Sim, legal, massa, mas qual a utilidade disso tudo na minha vida? Veja bem, provavelmente você já passou pela situação de usar cores que não te favorecem e ficar com cara de abatida, doente, com olheiras e manchas do rosto mais destacadas. Já determinadas cores te deixam linda, radiante, quase Gisele na abertura das Olimpíadas (imagina? hahaha) e você sempre quer repetir.

Pronto, você, na verdade, já sabe pra que serve a análise cromática! É justamente pra que sejamos Gisele mais vezes na vida e evitemos essas cores que nos deixam com uma cara de bad profunda.

Mas e aí que nunca mais na vida vou poder usar aquela cor só porque alguém disse que não fica bem pra mim? Não, né, querida! Primeiro, porque somos livres, ninguém é obrigado e eu mesma não deixaria de usar uma blusa linda, só porque ela não está na minha cartela de cores. Segundo, porque essas cores tem impacto nas peças usadas próximo ao rosto, maquiagem e cabelo, então sapatos, bolsas e calças estão liberados! Terceiro, porque sempre temos como amenizar o impacto negativo dessas cores equilibrando com outras que favoreçam mais ou com a maquiagem certa.

Esse vídeo da Luciana Ulrich, consultora de imagem, dá um noção de como funciona o trabalho nessa etapa:

Vai dizer que não é legal? Achei super interessante que exista todo um estudo por trás disso que até pouco tempo não fazíamos a menor ideia!

Espero que tenham gostado desse estilo de post mais educativo haha

Não esquece de curtir a página no Facebook e seguir no Instagram!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s